ROTEIROS | CHAMPAGNE (FRANÇA)


REGIÃO DE CHAMPAGNE COM BORGONHA

Borgonha é a região ao lado de Champagne onde estão localizados, segundo dizem, os melhores terroirs e vinhos do Mundo.

Saindo de Chablis, ao invés de voltar para Paris, vá em direção Leste para a cidade de Beaune.
Dependendo de seu tempo e interesse, recomendo ficar três ou quatro dias inteiros.
Há muitos hotéis no centro da cidade e nos arredores. Há várias cadeias internacionais e pequenos hotéis familiares.

A região é dividida em Côte D’Or Costa do Ouro do Vinho, ao norte, ao redor da cidade de Nuits St George, e da vila Vosnee Romanee, e a sudoeste a Côte de Beaune, onde estão as vilas de Pommard, Volnay, Montrached.
A norte está a capital da Borgonha, Dijon, famosa pela mostarda.
Todos os vinhos da Borgonha são produzidos com uva Pinot Noir.

Primeiro dia – visitar vinícolas e toda a região da Côte D’Or, passando por Nuit St. George indo até a vila de Vosnee Romanee onde estão os considerados melhores terroir do mundo, inclusive o vinhedo da Romanne Conti.
Você só vai ver os vinhedos, não há enoturismo.
Vai visitar um dos lugares mais importante historicamente, Clos de Vougeot. Local onde viviam os monges que no século XV iniciaram as plantações dos vinhedos nesta região.
Peça para o hotel marcar vinícolas para visitar e degustar vinhos.

Segundo dia – conhecer e passear pela cidade. É muito bonita, com várias lojas, restaurantes e um centro comercial muito ativo. Vale a pena visitar o Mercado Central de Alimentos. Em alguns dias da semana, com certeza no Sábado, há uma tradicional Feira de Rua.
A maior atração da cidade é o Hospice de Beaune com uma história de filantropia que remete ao século XV. Fica no centro da cidade, e eu afirmo que é imperdível.

Terceiro dia – visitar vinícolas na Cotê de Beaune. A sudoeste em uma pequena estrada que vai passando por dentro das vilas de Pommard, Volnay, Puligny e Montrached. Todas elas produtoras de ótimos vinhos. Além dos tintos, produzem também ótimos vinhos brancos.
Não há também necessidade de reservar a visita. O atendimento é sempre integral.

Quarto dia – Opcional, para ir conhecer Dijon. É a capital da Borgonha. Uma cidade grande, com lojas, restaurantes e todas as atrações que uma cidade deste porte pode oferecer.
Há também atrações históricas como museus e igrejas.

De Beaune você pode voltar direto a Paris, devolver o carro e aproveitar para curtir, o tempo que achar necessário. Afinal, Paris é uma cidade de muitas atrações.